sexta-feira, 30 de junho de 2017

Vivo de novo...


Vivo Em 2014 adquiri o vivo fibra de 50mb, é um produto excelente, não tenho reclamação. 

No mês de maio/2017 liguei para a vivo informando que iria mudar em junho e perguntando qual o procedimento. A atendente me disse que era para ligar com 72hs de antecedência que seria feita a transferência, tendo em vista que a mudança era apenas de apto. Tudo bem, na semana da mudança liguei, dia 19/06, protocolo 20174415653945 e o atendente disse-me que um técnico iria me ligar para agendar a instalação. Passaram alguns dias e nada. 

Liguei no dia 22/06 protocolo 20174433223936 e o atendente me disse a mesma coisa, que o técnico iria me ligar para agendar a instalação. Não ligaram. 

Liguei na Ouvidoria, processo 69717/2017 no dia 26/06, narrei toda essa situação e hoje dia 30/06 protocolo 20174471657317 a atendente da Ouvidoria me ligou para dizer que eles não fazem transferência de vivo fibra, que eu teria que cancelar o serviço e contratar um novo. E pasmem: NÃO HÁ DISPONIBILIDADE PARA INSTALAÇÃO DE UMA NOVA SE NÃO HOUVER CANCELAMENTO! Quer dizer que se um outro morador quiser instalar uma internet vivo fibra no mesmo prédio, um outro morador tem que cancelar? Como assim? tem apenas meia duzia de disponibilidade? Doido isso, neh? E a campanha que fizeram no prédio para instalação? Tinha ressalva? Limites? Senha? Ahhhhhh uma nova instalação custa R$ 240,00 e é claro que o valor mensal irá mudar tbm... 

E mais, tenho que cancelar e esperar a boa vontade deles para retirada do equipamento para depois solicitar a nova instalação, quer dizer que não posso entregar o apto, tenho que continuar pagando aluguel de um apto vazio até um funcionário retire a instalação, pois o fio é inteiro,ligado direto no modem, não tem um plug ou uma caixinha como o telefone ou será que devo cortar o fio, como se corta um fio de fibra ótica? Pode cortar com a tesoura? rsrs

É muito triste saber que ficamos sempre nas mãos das mesmas empresas, a mercê e eles fazem o que querem conosco, basta ver a quantidade de reclamações que a Vivo acumula e que continua no mercado faturando. Se fosse em outro país, onde haja respeito de verdade pelo consumidor, duvido que aconteceria esse tipo de coisa.