quarta-feira, 25 de abril de 2012

O que é lealdade para mim

Vou contar uma passagem para exemplificar o significado de lealdade, para mim. Cada um pode ter o seu sentido, esse é o meu:
Uma amiga comprou uma casa na praia e me convidou para passar uns dias, isso já faz um tempo, um bom tempo. Era só eu e a Pitchula, já estava viúva e a minha "cã" era minha companheira de todas as horas e todos momentos. A primeira pergunta que fiz para minha amiga é se eu podia levar a Pitchula junto e ela disse que sim. Ótimo, então eu iria, se a Pitchula podia ir, nós iríamos! Mas minha amiga virou e falou: Só que ela fica no quintal com os outros cachorros. hummmmm tsc...tsc...tsc...tsc... Eu ainda achei que era por motivo de higiene e disse que levaria meu colchão, meus lençóis e ela respondeu que não era isso, é que na casa dela cachorro não entra. Tudo bem, eu entendo perfeitamente essa posição dela. É a casa dela e ela está acostumada assim. Então eu agradeci o convite e disse que não iria, Eu não podia deixar a Pitchula sozinha e viajar e no quintal ela não ficaria, uma porque não estava acostumada, não era o meu jeito, e outra que se ela ficasse lá fora nem ela dormiria, nem eu, e nem ninguém da casa, pois ela iria chorar a noite inteira sem entender por que eu a estava "castigando". Essa é a minha ideia de lealdade. A Pitchula era leal a mim, consequentemente eu também era Leal a ela.

Outro exemplo: eu tinha um grupo que se reunia vez ou outra para um jantar, uma pizza. E eu tinha um companheiro que não fazia parte desse grupo, então quando o grupo me chamava eu dizia que iria desde que o meu amigo  estivesse junto e eles diziam que queriam a minha companhia, não faziam questão da presença dele. E eu não ia, por mais vontade que tivesse de ir, por ser leal a essa pessoa, se valeu a pena ou não, não vem ao caso, mas esse é meu entender para a lealdade.

Acho que até os desafetos tem que ser leais. Posso não gostar de uma pessoa, posso ter brigado com ela, mas jamais eu vou agir com deslealdade e denegrir a moral dela, por exemplo. Jamais. Sou leal até aos meus desafetos!

5 comentários:

  1. Nunca parei mesmo pra pensar nisso. Mas vim deixar um oi :)

    ResponderExcluir
  2. Silvia, concordo plenamente com você, lealdade é uma coisa muito importante para nós seres humanos, de vez em quando vamos esbarrar no plano material, a vaidade, na própria falta de sabedoria das pessoas. Porque deixar de ir as pizzas ou jantar com seu companheiro, porque não comentou com seu amigo que ele não era uma persona bem grata no circulo dos seus amigos, afinal ficaria bem melhor, será que não. Acredito que esta deslealdade e denegrir a moral das pessoas, não é uma coisa saudável, sempre devemos pensar e falar alguma coisa, se necessário, quando temos total convecção do assunto, devemos tomar muito cuidado pois o ser humano muitas vezes não aceita e acha que nós fomos as pessoas maldosas .

    ResponderExcluir
  3. Anônimo, Veja bem, não é o comentar ou deixar de comentar que faz a diferença, mas sim ser leal a pessoa. Se eu estou na sua companhia, quem me chamar para alguma coisa terá plena consciência disso e eu também; se sou convidada para algum evento eu não estou SOZINHA, certo? Quando a Pitchula estava viva estava mais do que claro para quem me conhecia que onde eu fosse a Pitchula iria comigo. Se eu era convidada o convite se estendia a ela também. Ela era uma continuação minha e assim é quando a gente tem uma companhia na vida. Está implícito que o companheiro(a) é convidado também. Se eu lhe convidar para vir almoçar na minha casa e vc tem um relacionamento com uma pessoa e eu sei disso, é evidente que estou convidando vc e sua(seu) companheiro, e se eu não inclui=lo(a) no convite, o que vc faz? Você virá e deixará seu(sua companheiro(a)? E se estou com uma amiga na rua, encontro você e você me chama para tomar um café, eu vou levar a minha amiga, ou "dispenso" ela? Dispensar uma amiga por causa de outro(a), está certo isso? Companheiro, parceiro, amigo é para TODAS as horas. Todas, entende, não é somente para a horas que PRECISAMOS, MAS PARA TODAS... Que adianta eu ter um uma amiga que só me chama para as horas que precisa de acompanhante no hospital e nas festinhas ela chama outra amiga? Que amiga é essa? Que lealdade é essa, entende?

    Agora a lealdade se estende até aos meus desafetos, por que? Porque eu vou "RESPEITA-LOS" em qualquer situação.

    Obrigada pelo comentário, e espero que eu tenha se esclarecido a minha posição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todas as nossas respostas devemos usar muito a nossa razão, pois a emoção só nos derruba, precimos muitas vezes conversar, não só trocar e-mail, precisamos conversar camalmente, mesmo que nossos nervos estão aflorados. É uma pena quando as pessoas não conseguem conversar pessoalmente é uma pena, muito triste, sua a posição sempre será eterna .

      Excluir