segunda-feira, 30 de abril de 2012

Perdoar?

Eu posso até perdoar, mas eu não tenho a minima intenção de conviver de novo e dar outra chance para que me sacaneiem novamente! Errar é humano, perdoar é divino, porém insistir nos erros é burrice e mais burrice ainda é permitir que lhe façam de otário mais outra e outra vez! Tudo tem um limite nessa vida e as vezes falta apenas uma gota para o copo transbordar e a outra parte pensa que uma gota não vai fazer diferença e aí que ela cai e quando cai não se conforma, afinal já houve outras e outras vezes, por que não pode existir mais uma? Porque o copo encheu, não existe mais espaço para mais uma gota muito menos para duas. Chega! 

domingo, 29 de abril de 2012

Virús

Minha gente, meu computador virou um ninho de vírus, que horror, desde ontem era só o anti vírus apitando. Ontem foram 4 (quatro) conficker e hoje foram doze uma família inteira, malware para escolher!. Era um festival. Estava cada vez mais lento, não conseguia abrir uma página direito na Internet. Passei quase o fim de semana tentando limpar. Parece que consegui. Deletei um monte de coisa, fiz backup de outros já me preparando para uma possível formatação. Por enquanto parece que está tudo bem, vamos aguardar. 

quarta-feira, 25 de abril de 2012

O que é lealdade para mim

Vou contar uma passagem para exemplificar o significado de lealdade, para mim. Cada um pode ter o seu sentido, esse é o meu:
Uma amiga comprou uma casa na praia e me convidou para passar uns dias, isso já faz um tempo, um bom tempo. Era só eu e a Pitchula, já estava viúva e a minha "cã" era minha companheira de todas as horas e todos momentos. A primeira pergunta que fiz para minha amiga é se eu podia levar a Pitchula junto e ela disse que sim. Ótimo, então eu iria, se a Pitchula podia ir, nós iríamos! Mas minha amiga virou e falou: Só que ela fica no quintal com os outros cachorros. hummmmm tsc...tsc...tsc...tsc... Eu ainda achei que era por motivo de higiene e disse que levaria meu colchão, meus lençóis e ela respondeu que não era isso, é que na casa dela cachorro não entra. Tudo bem, eu entendo perfeitamente essa posição dela. É a casa dela e ela está acostumada assim. Então eu agradeci o convite e disse que não iria, Eu não podia deixar a Pitchula sozinha e viajar e no quintal ela não ficaria, uma porque não estava acostumada, não era o meu jeito, e outra que se ela ficasse lá fora nem ela dormiria, nem eu, e nem ninguém da casa, pois ela iria chorar a noite inteira sem entender por que eu a estava "castigando". Essa é a minha ideia de lealdade. A Pitchula era leal a mim, consequentemente eu também era Leal a ela.

Outro exemplo: eu tinha um grupo que se reunia vez ou outra para um jantar, uma pizza. E eu tinha um companheiro que não fazia parte desse grupo, então quando o grupo me chamava eu dizia que iria desde que o meu amigo  estivesse junto e eles diziam que queriam a minha companhia, não faziam questão da presença dele. E eu não ia, por mais vontade que tivesse de ir, por ser leal a essa pessoa, se valeu a pena ou não, não vem ao caso, mas esse é meu entender para a lealdade.

Acho que até os desafetos tem que ser leais. Posso não gostar de uma pessoa, posso ter brigado com ela, mas jamais eu vou agir com deslealdade e denegrir a moral dela, por exemplo. Jamais. Sou leal até aos meus desafetos!

Sacola reutilizável - reciclagem

Recebi por email

terça-feira, 24 de abril de 2012

Conjuntivite

Agora já não é mais suspeita, é conjuntivite mesmo. Acordei hoje com os dois olhos "grudados". Levantei, me olhei no espelho e já liguei para o meu colega de trabalho dizendo que ia no hospital. Fui no PS do IAMSP e a médica confirmou a conjuntivite, quatro dias de molho. Fui até a Defensoria levar o atestado, passar algumas pendencias que estava em meu poder e comprar os remédios no centro. Alguns colegas "tiraram uma" dizendo que era um prato cheio, vou ficar sem trabalhar até maio...Afinal tem o feriado e a emenda da segunda, mas ninguém quis trocar de lugar comigo e nem um virusinho de presente... Querem as pingas, mas não os tombos...

Que filmadora...


sábado, 21 de abril de 2012

A semana, ainda, não acabou!

Acordei com o olho esquerdo bem inchado e grudado, parece até conjuntivite, mas não tem nenhum outro sintoma. Só o vermelhidão e inchaço. 
Mas essa não foi a única novidade da manhã de sábado; invadiram meu blog, este, e estava sendo direcionado para outro lugar, levei 3 horas, isso mesmo: TRÊS HORAS,  para conseguir que ele voltasse ao normal. Tentava um jeito e nada, começava de novo, nada. ia em outros sites para me informar, fazia tudo que mandavam e nada. Teve momentos que minha vontade era chorar, mas se chorar adiantasse, eu bem que tentaria, mas vamos de novo, e de novo, verificava e nada. Começava de novo, fazia e verificava e nada! Eu não sou uma "webmaster" eu apenas tenho um blog. Sou inteligente, sou, mas eu tenho uma ansiedade que me domina e não consigo ler as instruções até o final e vou tentando e quebrando a cara. Isso tudo é um excelente aprendizado para que eu aprenda a controlar minha ansiedade, mas qual o quê! Não será dessa vez que eu aprendi a controla-la. 
Eu não consegui confirmar minha propriedade pelo jeito mais simples, tive que ir pela "Meta Tag" que é uma outra opção e depois de 3 tentativas, eu enfim consegui. 

Posso ser ansiosa e me danar por causa disso, mas por outro lado eu sou persistente e minha persistência me conduz ao sucesso!

Bom isso, não é mesmo? Mas posso me aprimorar e não perder três horas do meu precioso tempo, kkkk

google628cfc38d232d900.html


sexta-feira, 20 de abril de 2012

Semaninha triste...

Essa semana foi muito difícil! No trabalho, pessoas problemáticas causando e causando problemas. Algumas coisas que eram para acontecer não aconteceram. Planos que deram errado e pessoas que fazem vir a tona o pior de nós. Me sinto péssima por ter me deixado irritar e e sendo mais reativa aos comportamentos de outras do que ser ativa. Gostaria muito de não me deixar influenciar, de passar imune a determinadas situações, mas eu não consigo. Eu estou ficando cada vez mais descrente do ser humano. Se as pessoas que a gente mais gosta nessa vida são capazes de dissimular e mentir, quem dirá as outras... É um eterno confiar desconfiando, as pessoas são capazes de tudo! São capazes de atropelar as outras para levarem pequenas vantagens, pequenos nacos de vantagens, eu não sou assim... Eu não consigo entender como podem agir dessa maneira com os semelhantes, será que pensam que NUNCA  vão responder pelo que fazem? Está bem: eu acredito em Deus e em justiça Divina e tenho minhas dúvidas se algumas pessoas creem nisso. Se acreditassem não fariam ao próximo o que fazem. 
A cada dia que passa eu estou me tornando melhor, sei não... eu estou cada vez mais fria e insensível aos outros seres humanos, cada vez mais descrente do meu "semelhante". Como eu sinto falta da Pitchula...

sábado, 14 de abril de 2012

Tem uma pedra no meio do caminho...

Estou a tarde inteira em "trabalho de parto"! Uma pedra no canal da urina que teima em não sair. Já chorei, suei, e bebi muita, mas muita água mesmo. Acho que das 13h até as 19h foram mais de cinco litros. A pedra não vai voltar para dentro, não pode ficar parada e para sair tenho que criar condições, dá-lhe água...
Em menos de um ano é a terceira vez que estou passando por isso. Antes disso expeli uma em 2000. Onze anos sem passar por esse tormento e agora outra vez em tão pouco tempo... Começa com uma ardência, como se fosse uma infecção de urina, arde quando se faz xixi, depois parece que a urina não tem como sair, vai saindo aos poucos, toda hora com vontade. Passei mais tempo no banheiro do que outra coisa hoje. Depois vai aumentando, aumentando a dor ao urinar, parece que o canal vai virar do avesso e não voltar mais para dentro. Dá aqueles calafrios, uma coisa que sobe pelas costas e as lágrimas que descem. Quando começa sair urina com uns filetes de sangue vivo a gente pensa que o tormento vai acabar logo, mas não é ainda o momento. E continua: Vontade de urinar, aquele pouquinho, toma mais água, vontade de novo, pouco...vontade....pouco...ardor....pouco... vontade....pouco... ardor.... vontade e enfim um jato e aumenta as esperanças do final, mas depois de 7 vezes assim em jato ainda sinto a mesma dor no final. e os filetinhos de sangue. 

Segundo o site"CAUSAS Pedras nos rins é um acúmulo anormal de sais minerais. Eles se formam nos rins e, durante a passagem pelo ureteres, podem se alojar ali ou na bexiga. As pedras são essencialmente compostas de oxalato de cálcio, mas fosfato, cistina, etc podem também estar presentes.

Curiosamente, um fator-chave na produção de pedras nos rins é uma deficiência de cálcio e/ou de magnésio.

Carboidratos refinados, principalmente açúcar, ajuda na formação de pedras nos rins. O açúcar aumenta no pâncreas e excreta insulina adicional, que por sua vez faz com que o rim descarregue mais cálcio na urina.

O cálcio é necessário no organismo. Se não existe suficiente cálcio na dieta, o corpo irá extrair o cálcio dos ossos, a fim de manter o nível sanguíneo de cálcio em níveis normais."

"Tomar bastante líquidos é o principal item do tratamento, visando reduzir a concentração e supersaturação dos cristais urinários, e dessa forma, diminuir a formação de cálculos.
O ideal de tratamento é suprimir a recorrência e evitar que os cálculos existentes cresçam. Como os cálculos têm origem heterogênea e freqüentemente são manifestações de doenças multissistêmicas, é impossível haver um só esquema terapêutico. Por isso, o tratamento é diversificado e prolongado, requerendo o comprometimento permanente do paciente. Após seis meses de tratamento, deve-se repetir a seqüência de exames para avaliar a eficiência da ação terapêutica. A revisão é fundamental para ajustar as medidas usadas no controle da recorrência e estimular o paciente na continuidade do tratamento.
Os cálculos maiores de 0,8 cm não saem espontaneamente, por isso é necessária a intervenção do urologista para a retirada do cálculo por métodos cirúrgicos ou métodos extra corpóreos, endoscópicos ou litotripsia." (abcdasaude)
Dai do mesmo jeito que começou, some! Ou seja, quando menos se espera já passou... Não é o caso, ainda, mas minha intuição diz que já estamos perto do final. 

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Alguém


"Eu queria sair por aquela porta e conhecer alguém. Assim, sem precisar  procurar no meio da multidão. 
Alguém comum, sem destaques evidentes, sem cavalos brancos ou dentes perfeitos. 
Alguém que soubesse se aproximar sem  ser invasivo ou que não se esforçasse tanto 
para parecer interessante.    
Alguém com quem eu pudesse conversar sobre filosofia, literatura, música,  política ou simplesmente sobre o meu dia. 
Alguém a quem eu não precisasse impressionar com discursos inteligentes ou com 
demonstrações de segurança e  autoconfiança. 
Alguém que me enxergasse sem idealizações e que me achasse  atraente ao acordar, de camisa amassada e sem maquiagem. 
Alguém que me levasse ao cinema e, depois de um filme sem graça, me roubasse boas gargalhadas. 
Alguém de quem eu não quisesse fugir quando a  intimidade derrubasse nossas máscaras. 
Eu queria não precisar usá-las e ainda assim não perder o mistério ou o encanto dos primeiros dias. 
Alguém que segurasse minha mão e tocasse meu coração. 
Que não me prendesse, não me limitasse, não me mudasse. 
Alguém com quem eu pudesse aprender e ensinar sem vergonhas ou  prepotências. 
Alguém que me roubasse um beijo no meio de uma briga e me  tirasse a razão sem que isso me ameaçasse. 
Que me dissesse como eu canto e  que eu falo demais e que risse das vezes em que eu 
fosse desastrada.  
Alguém que me olhasse nos olhos quando fala, sem me deixar intimidada. 
Que não depositasse em mim a responsabilidade exclusiva de fazê-lo  feliz para  com isso tentar isentar-se de culpa quando fracassasse. 
Alguém de quem eu  não precisasse, mas com quem eu quisesse estar sem motivo certo.  
Alguém com qualidades e defeitos suportáveis. 
Que não fosse tão bonito  e ainda assim eu não conseguisse olhar em outra direção. 
Alguém educado, mas  sem muitas frescuras. 
Engraçado e, ao mesmo tempo, levasse a vida a sério, mas não excessivamente. 
Alguém que me encontrasse até quando eu tento desesperadamente me esconder do mundo. 
Alguém feito para  mim.

(autor desconhecido)

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Pronatec Copa: não perca esta chance!



Começam hoje as inscrições do programa que vai qualificar os profissionais que queiram fazer bonito em 2014

03/04/2012
Brasília (DF) – Com o objetivo de fortalecer a competitividade do setor e aumentar a qualidade dos serviços oferecidos aos turistas, o Ministério do Turismo inicia hoje (03/4) as inscrições para o Pronatec Copa: são 32 cursos, além de aulas de inglês, espanhol e libras (língua de sinais), para quem tem 18 anos ou mais. As turmas, presenciais, serão nas 12 cidades-sedes, no entorno dessas cidades e em destinos de visibilidade internacional espalhados pelo país. Veja a listagem das cidades clicando AQUI.
“A qualificação profissional é uma das principais ações do Governo Federal para transformar a Copa do Mundo de 2014 no maior evento de todos os tempos. O Pronatec Copa capacitará não apenas quem já trabalha com o turismo, mas também quem pretende se profissionalizar no setor. Com isso, garantiremos um legado social, de conhecimento e fomento ao setor turístico nacional, que irá permanecer após os megaeventos que o Brasil receberá”, incentiva o ministro do Turismo, Gastão Vieira.
As inscrições para os 35 cursos poderão ser feitas via site www.pronateccopa.turismo.gov.br.
Para os que tiverem o ensino fundamental incompleto, serão cursos de auxiliar de cozinha, auxiliar de garçom, auxiliar de confeitaria, atendente de lanchonete, camareira, chapista, churrasqueiro, condutor de visitantes, copeiro, garçom básico, cozinheiro industrial, masseiro, mensageiro, monitor ambiental, monitor de recreação, padeiro e confeiteiro, pizzaiolo, recepcionista, recepcionista de eventos, salgadeiro e sushiman.
Já os que tenham ensino fundamental completo, poderão se inscrever nos cursos para agente de informações turísticas e mestre de cerimônias. Já quem tiver o ensino médio incompleto poderá se qualificar como auxiliar de serviços de hospedagem, auxiliar de agenciamento de viagens e recepcionista em meios de hospedagem.
Os interessados com ensino médio completo poderão se capacitar como bartender, condutor de turismo de aventura, organizador de eventos, sommelier e agente de viagens.
E vale lembrar que os alunos com o ensino fundamental completo ou escolaridade superior poderão inscrever-se simultaneamente no curso de capacitação e em um curso de idioma ou de libras.
Com uma média de 160h/aulas (equivalente a quatro meses de duração), o curso será oferecido de forma gratuita e presencial. Cada aluno terá direito a um auxílio estudantil - com alimentação e transporte. Para mais informações, entre em contato pelo e-mail pronateccopa@turismo.gov.br Não perca essa oportunidade. Qualifique-se profissionalmente e faça parte desse time campeão do turismo brasileiro.

Recebi por email.

domingo, 8 de abril de 2012

Guerra e Paz




 

 



Exposição Guerra e Paz, de Candido Portinari. Os painéis foram pintados por Candido Portinari entre 1952 e 1956 a pedido do Governo Brasileiro para presentear a sede da ONU em Nova York.  Esses painéis ficam permanentemente no hall de entrada da Assembléia Geral. Com a reforma do prédio da ONU para adequação de sistemas modernos de segurança, o Projeto Portinari, tendo a frente o seu filho, João Candido Portinari junto com o Governo Brasileiro, se empenharam em convencer a ONU a liberar a obra para que viesse ao Brasil para passar por uma restauração e ser mostrada ao publico brasileiro.
Foram três anos de articulações envolvendo empresas brasileiras publicas e privadas, empresas americanas. Os painéis foram cedidos para ficar sob a guarda do Governo Brasileiro até 2013.  Os painéis chegaram ao Rio de Janeiro em 2010 e passaram por uma restauração. Apesar de já terem sido pintadas há tantos anos, não sofreram muitas alterações, apenas o painel “Paz” estava mais desbotado, pois ele fica exposto a mais claridade. O processo de restauração foi aberto ao publico, escolas puderam acompanhar, foi possível a alunos de diversas escolas assistirem aos trabalhos e desenvolverem trabalhos sobre a obra..
A inauguração foi no Theatro Municipal do Rio de Janeiro em dezembro de 2010 onde compareceram mais de 44 mil pessoas em 12 dias.
Estão expostos no Memorial da América Latina e pode ser resumido em apenas uma frase: “São emocionantes!” Os painéis são realmente muito expressivos. Transmitem uma força, um vigor. Não é possível esquecer a emoção que aquela “Pietá” com seu filho morto, ou a outra que chora desesperada nos passa. Os cavalos que na Guerra são os transportadores da morte, na Paz carregam noivas. Enquanto na Paz crianças brincam, balançam, cantam em coro, pulam saltam. Na Guerra são corpos inertes. Ou ajoelham-se e sofrem. Mesmos os animais que na Paz brincam, na Guerra mostram seus dentes ameaçadores. As cores são fortes, mas mais em tons de azul, não apresenta tanto o vermelho que se esperaria, ou negro. Na Paz temos tons dourados e azuis mais claros. E a característica marcante de Portinari são suas representações de pés e mãos. Há muita força, muita expressão nesses membros. Muitas dessas mãos se erguem ao alto, como que suplicando, ou envolvendo os rostos escondendo a dor. Por outro lado as mãos são suaves mas não menos expressivas.
A exposição se completa com a mostra de vários estudos que foram feitos para a realização da obra. Desenhos a crayon, a lápis de cor, grafite e óleo. Muitos de coleções particulares que foram cedidos para a mostra. Um dos quadros que chamam a atenção é a Morte Cavalgando feito a guache e grafite. Outro é Mãe pintura a óleo sobre tela que transmite muito vigor. Não há como ficar imune. Além disso, estão expostos objetos pessoais do pintor, recortes de jornal da época, além de filmes de curta duração sobre o artista, a obra, os painéis e a restauração.
A exposição ficará até 21 de Abril e deverá ir a  outras cidades e alguns paises.