quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Intrometida

Já decidi que a partir deste ano deixarei de ser tão intrometida, vou ser só um pouco, rsrsrsrs
Numa dessas manhãs, ao esperar o ônibus no ponto, ouvi uma senhora perguntando ao motorista de um se ele passava em "tal" rua, o motorista respondeu secamente que não, ela perguntou se ele sabia qual passava e ele grosseiramente disse um não bem não. A tonta aqui, querendo ser útil, afinal eu sei qual o ônibus que passa, me adiantei e fui falar com ela e a mulher me respondeu que não precisava que ela perguntava ao próximo motorista. Respirei fundo, contei até dez e educadamente disse a ela que queria apenas ajudar que ela me desculpasse pela intromissão. Jurei a mim mesma que a partir daquele momento somente iria dar orientações a quem pedisse. A companheira dela, parecia ser a mãe, veio e me perguntou qual passava, por coincidência vinha logo em seguida. Falei e completei, educadamente ainda, "confirma com o motorista"!

Nenhum comentário:

Postar um comentário