domingo, 10 de outubro de 2010

Campanha de vacinação anti rabica

"SÃO PAULO - O Ministério da Saúde decidiu, nesta quinta-feira, suspender as campanhas de vacinação de cães e gatos contra raiva animal em todo o país. A decisão, que é preventiva, foi tomada após resultados de testes feitos pelo Ministério da Agricultura que comprovaram que o medicamento pode provocar reações adversas nos animais. O Rio de Janeiro e São Paulo foram os primeiros a apresentar problemas com a vacina. . São paulo, já havia suspendido a vacinação.
Houve notpicias de pelos menos 1.400 casos de efeitos colaterais e 200 mortes de animais. Entre os efeitos que não estavam previstos, e que foram observados, estão hemorragia, dificuldade de locomoção, hipersensibilidade de contato e intensa prostração dos animais. Essas alterações não haviam ocorrido nos testes iniciais feitos para a liberação da vacina, nem na contraprova de amostras mantidas em estoque" 
Noticia lida no Globo.  eu fico imaginando como deve estar se sentindo as pessoas que levaram seus animais para vacinarem contra a raiva, pensando que estavam protegendo seus peludos contra possível doença e vêem eles ficarem doentes ou morrerem em função disso. deve ser horrível.  O que eu não entendo é por que tiveram que esperar ter 1400 casos de efeitos colaterais e 200 MORTES!!!! Precisava esperar tudo isso? Eles ainda tinham alguma dúvida? O Ministério da Saúde adverte: "O Ministério da Saúde é lento pra cachorro". Para mim isso  tem um outro nome: Descaso. 
Eu não gosto nem de pensar na possibilidade da Pitchula estar incluída numa lista dessa. Eu costumava leva-la para ser vacinada na campanha, pois acreditava que a vacina era de ótima qualidade, o problema era a aglomeração de animais, mas eu procurava ir em horários fora de pico. Até que a uns três anos atrás ela teve uma reação no lugar da picada. Formou uma ulceração no local, difícil de cicatrizar e eu não levei mais. Bendita  hora que aconteceu isso. Senão ela poderia estar entre as vitimas nessa campanha,  em virtude da debilidade física dela, seria mais propensa a efeitos colaterais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário