sábado, 10 de julho de 2010

Vicios -- escolher continuar ou parar.

Eu larguei de fumar já tem mais de seis anos. Não foi fácil
Vicio é sempre presente. É uma luta constante. É uma escolha que fazemos e quando fazemos a escolha temos que ter bem definido o por que escolhemos parar de fumar, por que como qualquer vicio, é bom, causa prazer. e como abrir mão de algo que nos dá prazer? É colocar na balança se está sendo bom ou ruim. No meu caso, o cigarro estava fazendo mal a minha saúde. Eu tinha muita falta de ar. Então escolhi parar de fumar. 
Tenho vontade? Claro! Eu tenho até hoje e cada vez que a vontade aperta, eu penso no porquê eu larguei de fumar. É ter bem definido na minha cabeça os motivos que me levaram a tomar tal decisão. Acho que para tudo na vida é assim. 

Quando optamos por um caminho, abrimos mão do outro e temos que fazer isso não por impulso, mas pela razão, para que seja mais fácil perseverar. É pensar, refletir e ter bem definido na mente o que achamos que é melhor naquele momento. Pode ser que mais tarde mudemos de idéia, mas neste momento é assim que pensamos e decidimos. Quando temos bem definido na nossa mente o que é bom, o que é ruim para nós, decidimos por nós, pela razão e (se o corpo não falar mais alto), vamos conseguir. 

Escolher nunca foi fácil, mas é necessário! Boa sorte para nós, nas nossas escolhas!

4 comentários:

  1. Largar vícios é difícil, tenho os meus, sei como é.
    Queria que minha mãe tivesse conseguido parar de fumar quando tentou mas acho que ela só conseguiu reduzir a quantidade.
    Ter vontade e determinação fazem a diferença pra tudo, de parar de fumar a malhar ou terminar a pós.

    ResponderExcluir
  2. Sei o quanto é difícil, pois minha esposa também parou e diz que até sonha com cigarros.

    Parabéns pela dedicação

    =)

    ResponderExcluir
  3. Silvia, tinha acabado de dar banho nela e fica feliz da vida, correndo pra lá e pra cá


    Só falar seu nome que ela levanta as orelhas e sorri
    =)

    ResponderExcluir
  4. Eu não suporto nem cheiro de cigarro. Não tenho nehum vicio, só se for de arrumação. Se foi para o seu bem, escolha sensata!

    ResponderExcluir