domingo, 3 de janeiro de 2010

Viagem em fim de semana prolongado

Quando eu era criança ( não faz tanto tempo assim...) e viajava com meu pai, ele sempre queria voltar logo depois do almoço, eu achava isso uma chatice. por que não podíamos ficar até mais tarde? podíamos ficar mais um pouco: -- ahhhhhh váaa paiê....por que temos que ir????
Quando eu viajava com o Miguel, meu marido, ele queria voltar antes do almoço. Nossa, eu ficava p* da vida, por que não podíamos almoçar antes de ir embora?  O Miguel me explicava que não queria estragar o fim de semana tão bom ficando horas na estrada num congestionamento. Na minha opinião não ia estragar nada, mas não era eu quem estava dirigindo, neh!  Eu era mais jovem...
Hoje em dia, quando viajo, volto logo de manhã. Acha que eu vou querer ficar horas e horas na estrada? nananinanão...Volto cedo, desarrumo as malas, tomo banho legal, baixo as fotos que tirei, curto o que sobra do fim de semana.
Quando se é jovem parece que temos de aproveitar tudo até o último minuto, parece que o mundo vai acabar e se não aproveitarmos não teremos uma segunda chance! A nossa relação com a diversão é estranha, parece que "temos" que nos divertir.  Bebemos demais, comemos demais, ou seja excesso, a palavra de ordem é excesso. Nos divertimos demais! Será? Será que isso é mesmo diversão?
Minha irmã foi para Ubatuba nesse fim de semana. Ontem eu falei com ela e disse que uma estrada estava interrompida, que seria bom que ela viesse ontem mesmo, para evitar transtorno. Mas ela preferiu vir hoje. Um trecho que se faz em 01.30Hs ela fez em 10 horas, São 21hs e ela ainda está em Caraguatatuba, ou seja, muito longe de chegar em casa ainda. mas ela é jovem! Jovem é outra coisa...

Nenhum comentário:

Postar um comentário