quarta-feira, 8 de julho de 2009

Voz que some

Minha voz está começando a sumir de novo. Acho que ando somatizando alguma coisa.
Esse mês está sendo muito complicado, muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo. É o INCOR que chama para trabalhar (aquele concurso que fiz); é a prova do HU, teorica (duas vezes) e agora prática. A companhia que arrumei pra morar comigo e que já seguiu outro rumo. E outras coisitas mais que exigem atenção, tomadas de decisões. Estou dividindo os assuntos por partes, como Jack, o estripador, e resolvendo assim. Só que nesse meio tempo a garganta começa a coçar de novo, aquela tossinha chata, e a voz começa a sumir. Estou vendo que amanhã, ou depois, amanheço sem voz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário